Já pensou em ver baleias de perto? Veja onde viver essa experiência







As baleias mantiveram nosso fascínio e imaginação por séculos. Esses animais misteriosos têm uma linguagem própria, e ouvir o "tom melancólico" delas enquanto cantam embaixo d’água é o que muitos mergulhadores relatam ser um dos raros prazeres da vida.


São animais sociais altamente inteligentes e continuam a surpreender aqueles que estudam seus comportamentos. Por causa disso, elas são maravilhosas de se ver acima ou abaixo da água.


Existem mais de 70 espécies diferentes de baleias identificadas até agora e podem ser vistas em locais ao redor do globo em sua migração anual.


Ver uma criatura de 30 toneladas saltar no oceano com tanta facilidade e graça, seguramente é uma experiência memorável.


Para os amantes de mergulho - e aqui destaco o fato de que, para pessoas com deficiência física, mergulho representa liberdade (afinal não precisamos das pernas para conhecer o fundo do mar) - destacamos alguns lugares do mundo onde esses animais encontadores, e que tanto despertam nossa curiosidade, podem ser vistos.


1. Bahia




As baleias jubarte podem crescer até o tamanho de um ônibus e geralmente migram cerca de 25.000Km por ano. Conhecidas pelos sons cativantes de suas canções (só o macho canta), essas baleias se alimentam em águas geladas durante o verão, e então, viajam para as áreas tropicais do oceano para se reproduzir.


Se você quiser uma observação de baleias realmente íntimas, o melhor lugar para vê-las (acima e abaixo da superfície) é quando elas estão criando seus filhotes.


E você não precisa ir muito longe para ver essa atuação da natureza. No sul da Bahia, especificamente na região da cidade de Prado e Caravelas, de onde partem passeios para Abrolhos, é possível observar essas baleias de perto.


A melhor época para viver essa experiência é de julho a novembro, período em que é possível ver elas bem perto, já que nadam próximas à superfície. Nessa época do ano, muitas empresas oferecem passeios até o arquipélago para avistar as baleias e também para conhecer mais sobre a região e sua preservação ambiental. Muitas outras espécies de animais podem ser vistas e estudadas na ilhas durante a viagem.


O Arquipélago de Abrolhos é uma das áreas de maior proteção ambiental da região. Formado por cinco ilhas, a área abriga o Parque Nacional Marinho de Abrolhos, o primeiro do Brasil, fundado em 1983, e controlado pelo IcmBio e pela Marinha. Sua formação abriga corais e diversas profundidades em espaços curtos de distância, o que possibilita a prática de mergulho amador e profissional.




2. Grande Barreira de Corais, Austrália




A Grande Barreira de Corais, ao largo da costa de Queensland, no nordeste da Austrália, é o maior organismo vivo da Terra, visível até mesmo do espaço. O ecossistema de 2.300 km de extensão compreende milhares de recifes e centenas de ilhas feitas de mais de 600 tipos de corais duros e macios.


A região também abriga inúmeras espécies de peixes coloridos, moluscos e estrelas-do-mar, além de tartarugas, golfinhos e tubarões.


Ali podem ser encontradas as baleias minke anãs, que podem estar na extremidade menor da escala das baleias, mas ainda podem crescer até 8 metros e pesar várias toneladas.


As baleias minke anãs só foram descobertas durante os anos 80, e acredita-se que sejam descendentes da baleia minke do hemisfério norte.


A melhor época para viver essa experiência é de maio a agosto de cada ano.



3. Península de Baja, no México




As baleias cinzentas viajam mais do que qualquer mamífero, nadando milhares de quilômetros desde a alimentação até aos locais de reprodução anualmente.


Estas baleias são mais amigáveis e muitas vezes permitem que os visitantes as acariciem enquanto ficam imóveis na superfície ao lado do barco.


De fevereiro até o final de abril, todos os anos você pode ver essas baleias na península de Baja, no México. Você também terá a chance de ver baleias jubarte e gigantescas baleias azuis nesse mesmo período.


Por lá os mergulhadores podem ficar cara a cara com algumas das maiores espécies do oceano, como golfinhos, leões marinhos e, claro, as baleias.




  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook

ACOMPANHE NAS REDES

EM DESTAQUE