Próxima Parada: Conheça as estações de trem mais lindas do mundo

Atualizado: Jul 8


Se viajar nos faz sentir vivendo em um cenário de filme, passar por essas estações de trem é mais do que buscar por um transporte convencional.


Muitas vezes eternizadas enquanto símbolos de imponência, de reencontros emocionados ou de despedidas melancólicas, as estações ajudam a contar a história cultural de um povo ou país.


Por isso, selecionamos algumas das principais paradas obrigatórias do mundo! Em qual delas você gostaria de desembarcar?




1. World Trade Center Transportation Hub | Nova York, EUA




Resultado do trabalho do famoso arquiteto Santiago Calatrava, a estação nova-iorquina foi concluída há pouco tempo e o destaque do projeto é a estrutura elíptica de aço e vidro de quase 75 mil metros quadrados conhecida como Oculus. As costelas de aço estrutural se estendem para cima, como asas abertas. Mais que uma obra de arte arquitetônica, a estação tem papel imprescindível para os moradores da cidade, já que conecta trens, 11 linhas de metrô, um terminal de ferry e prédios. O World Trade Center Transportation Hub também abriga um shopping.





2. Antwerpen-Centraal | Antuérpia, Bélgica




O arquiteto belga Louis Delacenserie projetou esta obra-prima de 1905 usando uma combinação eclética, porém impressionante de estilos arquitetônicos. O extravagante edifício foi danificado por bombas durante a Segunda Guerra Mundial, embora permanecesse estruturalmente sólido. Mas na década de 1980, o prédio ainda estava em ruínas. Foi meticulosamente restaurado em 1986 e ampliado bastante entre 1998 e 2007.




3. Sirkeci Station | Istanbul, Turquia






Originalmente servindo como terminal para o famoso Expresso do Oriente, a Estação Sirkeci em Istambul foi construída em 1890 pelo arquiteto prussiano August Jasmund. É um dos melhores exemplos da mistura dos estilos ocidental e oriental do século 19 - adequado, já que Istambul é a encruzilhada da Europa e da Ásia. Não é mais usado como uma estação, agora é o lar do Museu Ferroviário de Istambul.



4. Atocha | Madri, Espanha



Embora exista desde 1851, essa que é uma das maiores estações de trem da Espanha ganhou em 1992 um shopping center e um jardim interno, servindo, portanto, também como estufa para plantas. Sua fachada é um ícone da arquitetura ferroviária do século XIX e teve, na direção da obra, a participação de Alberto Palacio, um colaborador de Torre Eiffel. O ferro utilizado na cobertura foi trazido da Bélgica, enquanto os tijolos vieram de diferentes partes da Espanha.



5. Estação de Liege-Guillemins | Liege, Bélgica





A estrutura também desenhada pelo Calatrava é gigante e pode ser vista de longe, devido a sua localização. Concluída em 2009, a estação de Liege-Guillemins substituiu a estrutura de 1958 que ficava no local oferecendo uma vista ultra-moderna e ampliada do local. Sem uma fachada definida, o novo edifício serve para ligar dois bairros que antes ficavam divididos pela linha do trem.



6. Grand Central Terminal | Nova York, EUA




A estação foi e é constantemente cenário de filmes e séries da televisão, o que a faz ser reconhecida por muita gente. Originalmente construída em 1871, foi demolida em 1903 e concluída dez anos mais tarde, para hoje ser também um ponto turístico nova-iorquino. São mais de 750 mil pessoas transitando entre seus 49 hectares, 44 plataformas e 67 trilhos de ferro em dois níveis diferentes todos os dias. É a maior estação de trem em número de plataformas. Com escadas de mármore, sua famosa pintura no teto e o relógio Tiffany na fachada da 42nd St é, além de estação terminal de trem, parada obrigatória para comer em uma das mais de 30 opções de restaurantes.




7. Chhatrapati Shivaji Terminus | Mumbai, Índia



Para fundir o então popular estilo gótico vitoriano com influências indianas, o arquiteto britânico F. W. Stevens trabalhou com artesãos locais nesta estação de 1888 para criar a elaborada estrutura vista hoje. Foi declarado Patrimônio Mundial da UNESCO em 2004 por sua estética arquitetônica inventiva.




8. Estação São Bento | Porto, Portugal




Construída no local de um antigo mosteiro do século XVI, a Estação Ferroviária de São Bento foi projetada pelo arquiteto José Marques da Silva. Embora o edifício Beaux Arts seja uma bela estrutura por si só, o que mais chama atenção são os 20.000 azulejos de estanho que decoram seu interior. O artista plástico Jorge Colaço concluiu o projeto entre 1905 e 1916.



9. Kuala Lumpur Railway Station | Kuala Lumpur, Malásia




Inaugurada em 1910, a estação de trem de Kuala Lumpur é monumental. Sua parte interna não chama tanta atenção, mas do lado de fora, com pavilhões cobertos por domos, arcos e muitos minaretes, a estação é um edifício histórico e belo com arquitetura mesclada entre os estilos orientais e ocidentais. Desde que uma moderna estação foi inaugurada na cidade, a KL Sentral, em 2001, passou a ser conhecida como velha estação.






  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook

ACOMPANHE NAS REDES

EM DESTAQUE